Cuidados com a bolsa de valores

Atualmente o Brasil vive uma crise economia um pouco profunda tanto é verdade que recente foi a aprovado um projeto proposto pelo presidente Temer para congelar o aumento dos gastos públicos. Além disso, também é possível perceber as condições da economia do país por meio do baixo rendimento da poupança que, inclusive, perde para a taxa da inflação. Mas como investir na bolsa de valores?

Dados esses fatores sobre a tendência do mercado brasileiro, é muito importante ter alguma ideia em mente para tentar driblar as dificuldades financeiras existentes atualmente. Uma das opções mais buscadas pelos brasileiros é a bolsa de valores que pode ajudar os investidores a conseguir uma grande rentabilidade.

Entretanto, é preciso destacar que existem alguns cuidados que devem ser tomados por aqueles que desejam começar a investir ou até mesmo os que já investem em ações.

Riscos

Antes de começar a realizar a compra de ações, o investidor precisa entender que participar de uma atividade começa pode ser comparada como ter um negócio próprio, ou seja, é o mesmo tipo de risco que se assume.

A justificativa para essa comparação está no fato de que ao realizar a compra de uma ação de uma determinada empresa, o investidor já é considerado como um dos sócios da empresa. Portanto, caso o mercado afete as operações da organização e cause um impacto negativo, os acionistas da empresa serão prejudicas visto que as ações da instituição irão desvalorizar.

Especialização

Esse tipo de risco está associado aos iniciantes no mercado de ações. Durante o primeiro contato com os recursos da bolsa de valores, sem dúvida, a reação será de espanto devido aos diversos termos que precisam ser conhecidos para que seja possível trabalhar tranquilamente nesse meio e tomar todas as decisões cabíveis com bastante firmeza.

Por isso, a dica é sempre contar com ajuda de alguém experiente para não ser surpreendido com um resultado de negócio que não foi bem-sucedido.

Erros comuns de investidores iniciantes

Por meio do acompanhamento dos investidores iniciantes na bolsa de valores e com um pouco de paciente será possível notar que quase todos cometem alguns erros e que, por isso, são considerados como erros básicos de todo iniciante nesse mercado.

Isso acontece visto que a grande maioria passa a adotar estratégias semelhantes que, para o senso comum, são as melhores formas para desfrutar de uma alto rendimento nesse tipo de investimento. No entanto, com o passar todo surgem variáveis que afetam o plano de ação e faz com que os investidores tomem decisões erradas.

Confira alguns dos principais dos investidores iniciantes.

Pressa

Assim como o diz o velho ditado “a pressa é inimiga da perfeição”, muitos investidores acreditam que já irão começar a obter uma rentabilidade muito alto e que irão desfrutar de ganhos altíssimos e isso acaba os prejudicando visto que pulam muitas etapas que fazem parte do aprendizado para buscar rendimentos cada vez maiores.

Esse é um erro bastante comum daqueles que estão começando.

Otimismo

Outro grande equívoco quando se estão apreendendo a trabalhar com a bolsa de valores é sempre acreditar que o mercado não está em uma situação muito boa e que já está na hora de começar uma recuperação.

Esse pressuposto nem sempre é verdade, é preciso entender que o mercado é bastante imprevisível e, por isso, o investidor deve deixar basear as suas decisões apenas em achismos visto que certamente irá realizar maus negócios.

Essa regra de que o mercado não pode piorar mais não existe e não é aplicado para a bolsa de valores.

Desconhecimento

Ao longo do dia de um investidor será possível notar que diversas oportunidades surgem e, a princípio, o pensamento que muitos possuem é de que não podem deixar passar essa chance de conseguir um bom negócio. Esse é uma visão que muitos possuem, comprar ações sem antes conhecer o que está sendo comprado.

Por isso, sempre verifique as informações antes de tomar qualquer decisão.

 

 

 

 

 

 

 

 

Categories: Uncategorized